Rumor aponta que Sony não realizará showcase de PlayStation por conta da Microsoft

Rumor aponta que Sony não realizará showcase de PlayStation por conta da Microsoft

A “guerra” entre Sony e Microsoft parece ter ganho mais um capítulo esta semana. Isso porque alguns rumores apontam que a companhia japonesa não irá realizar o seu evento tradicional, o PlayStation Showcase, por conta da sua concorrente norte-americana.

De acordo com o Gamer Rant, site especializado no mundo dos jogos, a Sony entende que, caso ela realize este evento, isso poderia fortalecer os argumentos da Microsoft junto aos reguladores, que nos dias de hoje têm analisado a aquisição da Activision Blizzard pela companhia.

Alguns órgãos já aprovaram essa compra, contudo, o Competition and Markets Authority (CMA), entidade reguladora do Reino Unido, anda dificultado as coisas, sendo o principal conflito uma provável exclusividade do game Call of Duty pela Microsoft assim que ela adquirir a Blizzard.

Call of Duty
Call of Duty | Imagem: reprodução

Entenda sobre o caso entre Sony e Microsoft

A CMA está preocupada que ter controle total sobre este poderoso catálogo (…) pode resultar na Microsoft prejudicando os consumidores e a capacidade da Sony – rival mais próxima da Microsoft – de competir“, aponta a CMA.

Nas últimas edições, o PlayStation Showcase tem sido realizado no mês de setembro, como ocorreu ano passado, quando apresentou títulos como God of War: Ragnarok, Marvel’s Wolverine e Marvel ‘s Spider-Man 2. A expectativa era de que o evento ocorresse pelo menos em outubro, mas não há sinais de movimentação da companhia japonesa para tal.

De acordo com o informante Millie A, que em várias ocasiões apontou rumores que mais tarde se confirmaram reais, a gigante dos games anunciou a cerimônia no dia 11 de outubro, e o showcase seria realizado no dia 20 de outubro, algo que acabou não acontecendo. Segundo Millie, na apresentação a companhia japonesa revelaria alguns títulos, como o já esperado Horizon Zero Dawn Remake.

Mas, segundo Millie A, a empresa desistiu do evento, já que a investigação da CMA ainda está ocorrendo. “A Sony acredita que um showcase adicionará peso aos argumentos da MS“, relatou Millie A.

Publicidade

Infelizmente, com a atitude da companhia, quem acaba perdendo são os fãs, que estavam ansiosos pelos próximos anúncios da Sony para o PlayStation. Contudo, uma alternativa de entretenimento tão divertida quanto os games de consoles, são os títulos presentes nas plataformas de jogatina virtual. E o sitedeapostasonline.net lista cassinos online que disponibilizam seus serviços no Brasil, para que a população tupiniquim tenha acesso a uma ampla diversidade de jogos na tela do seu computador ou celular, que anteriormente só eram encontrados em estabelecimentos fora do país. Além da comodidade de poder se divertir de casa, o jogador ainda tem direito a promoções exclusivas que lhe garantem um saldo extra e outras facilidades.

O que diz a outra parte

Em documentos apresentados pela Microsoft, a companhia afirma que a Sony possui uma grande vantagem de mercado, devido às suas franquias exclusivas. A empresa americana relata que nos últimos anos, os títulos first party exclusivos da concorrente representam 17% dos gastos totais dos clientes dentro das plataformas do PlayStation.

A empresa fundada por Bill Gates também argumenta que esse catálogo repleto de jogos exclusivos da concorrente influencia os consumidores no momento deles adquirirem um console. Com isso, com a aquisição da Blizzard por parte da Microsoft haveria uma maior competitividade no mercado, favorecendo assim os consumidores.

Essas vantagens devem ser totalmente consideradas na Fase 2 ao avaliar se a Sony provavelmente será excluída como concorrente de console como resultado da transação. Ao contrário das preocupações descritas na decisão, a transação ajudaria o Xbox a continuar a oferecer novas ofertas de conteúdo inovadoras e competir mais vigorosamente com a Sony, Nintendo e outras empresas líderes de jogos. Essa melhor competição só iria beneficiar os jogadores”, argumenta a companhia norte-americana.

Escrito por:

340 textos

Site sobre cultura e entretenimento, que destaca o protagonismo feminino e analisa a representação feminina nas obras.
Veja todos os textos
Follow Me :
error: Os artigos do Delirium Nerd estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Plágio é crime. A utilização não autorizada deste artigo pode resultar em processo.