Viola Davis está desenvolvendo adaptação do livro “Wild Seed”, de Octavia Butler

Viola Davis está desenvolvendo adaptação do livro “Wild Seed”, de Octavia Butler

Compartilhe

A Amazon está desenvolvendo a adaptação do romance da autora Octavia Butler, “Wild Seed“. O projeto chega ao serviço de streaming Amazon Prime Video pela produtora JuVee Productions, empresa de Viola Davis e Julius Tennon.

O livro é o primeiro da série de ficção científica “Patternist“, que conta com os seguintes livros, na ordem de leitura: Wild Seed (1980), Mind of My Mind (1977), Clay’s Ark (1984), Survivor (1978) e Patternmaster (1976), todos inéditos no Brasil. A adaptação de “Wild Seed” conta com roteiro da autora Nnedi Okorafor (“Bruxa Akata“) e da cineasta queniana Wanuri Kahiu (“Rafiki“), que também vai dirigir o piloto.

Segundo a matéria do site Deadline dessa terça-feira (26), “Wild Seed” é uma história de amor (e ódio) de dois africanos imortais que viajam ao longo das Eras, desde a África Colonial até o futuro distante. Doro, um assassino que usa seus poderes para criar humanos como gado, encontra Anyanwu, uma curandeira que o força a reavaliar os milênios de seu comportamento cruel: por séculos, suas batalhas pessoais mudaram o curso do mundo enquanto lutaram ao longo do tempo – mestre vs escravo, homem vs mulher, assassino vs curandeira.

Wild Seed é um livro que mudou minha vida. É tão épico, comovente e brilhante, como qualquer romance de ficção científica já escrito. Julius e eu estamos orgulhosos de ter esta obra-prima em nossas mãos. […] Octavia Butler foi uma visionária e estamos ansiosos para honrar o escopo de seu trabalho e compartilhá-lo com o mundo”, disse Davis. [tradução livre]

Nós amamos o trabalho da Octavia Butler há décadas. Mas ‘Wild Seed’ é o nosso livro favorito. É expansivo, perturbador e único. Wild Seed fica em você. É uma história de amor/ódio de africanos imortais, que conecta as pessoas do continente africano à diáspora. A autora mistura o místico e o científico perfeitamente. Você verá mudanças de forma, saltos corporais, telepatas, pessoas nascidas com a capacidade de desafiar as leis da física, tudo no contexto do nosso passado, presente e futuro“, disseram Kahiu e Okorafor. [tradução livre]

Leia também:
[LIVROS] A Parábola do Semeador: Nem todas as distopias são iguais
[LIVROS] 25 obras essenciais de ficção científica escritas por mulheres (Parte 1)
[LITERATURA] Livros para refletir os tempos sombrios

Este é o segundo projeto baseado em um romance de Octavia Butler que está em desenvolvimento. Victoria Mahoney, Ava DuVernay e MACRO estão desenvolvendo “Dawn” para uma série de televisão.

O próprio romance de Okorafor, “Quem Teme a Morte“, está sendo desenvolvido pela HBO, no formato de série, com produção de George R.R. Martin. E a cineasta Kahiu está com a agenda lotada atualmente. Ela já está dirigindo dois projetos depois do seu último longa “Rafiki”: um romance de Los Angeles chamado “Covers” e a adaptação de “YA”.

Ainda não há informações sobre a data de estreia da adaptação de “Wild Seed”.

Fonte: Shadow and Act

Compartilhe

Written by:

288 Posts

Fundadora e editora-chefe do Delirium Nerd. Revisora. Apaixonada por gatos, café, cinema do oriente médio, quadrinhos e animações japonesas. Ouve muito Harry Styles e cantoras melancólicas.
View All Posts
Follow Me :