Thelma & Louise: em quem as mulheres realmente podem confiar?

Thelma & Louise: em quem as mulheres realmente podem confiar?

Compartilhe

Thelma & Louise é um filme de drama, foi lançado em 1991 sob direção de Ridley Scott e roteiro de Callie Khouri. O longa-metragem conta como duas amigas saem em uma viagem simples de final de semana para as montanhas e acabam como fugitivas tentando chegar ao México antes que a polícia as encontre.

A história é divertida e tem todo o estilo road trip. Mas além disso, Thelma & Louise traz mensagens importantes em seus detalhes que, mesmo fazendo alguns anos de seu lançamento, ainda são relevantes.

AVISO: o texto a seguir contém spoilers

Thelma e Louise saem em um final de tarde de uma sexta-feira em direção à uma casa nas montanhas, com a intenção de tirar um final de semana de folga. Durante o caminho de ida, elas decidem parar em um bar para se divertir um pouco. Lá, Harlan Puckett, um homem muito gentil e educado senta para conversar com elas e convida Thelma para dançar, depois de pagar algumas bebidas para ela. Nessa parte, tem um detalhe que pode facilmente passar despercebido, assim como também acontece em situações similares na vida real.

Enquanto eles dançam, Harlan fica girando Thelma várias vezes, enquanto ele está parado. Depois de tanto girar, Thelma, que já havia bebido (as bebidas que o mesmo homem a estava pagando), começa a passar mal. Então ele, muito preocupado, a leva para o estacionamento para que possa pegar um ar. Quando ela diz que precisa voltar para encontrar Louise, ele tenta convencê-la a ficar, dizendo que só quer beijá-la. Como Thelma recusa e insiste em voltar para o bar, ele tenta estuprá-la, mas é impedido por Louise, que aponta uma arma para ele.

Depois de uma discussão entre os três, Louise acaba por realmente matar Harlan, e é então que a viagem de final de semana se transforma em uma fuga da polícia.

Thelma & Louise
Cena de “Thelma & Louise” | Imagem: reprodução

Thelma é dona de casa, tendo se casado aos 18 anos com o homem que namorava desde os 14. Seu marido, Darryl, grita com ela constantemente e não gosta que ela saia de casa. Após receber o convite de Louise para passar o final de semana fora, Thelma fica com medo de pedir permissão para o marido pois sabe que ele não deixará, mesmo que ele sempre chegue tarde nas sextas-feiras e nunca a conte onde esteve.

Já Louise, é uma mulher determinada e independente que trabalha em uma lanchonete. Louise faz muito mais o estilo de espírito livre e fala abertamente que não gosta do marido de Thelma.

Leia também >> A amizade feminina vista pelo cinema de Agnès Varda e Claudia Weill

Enquanto elas estão se planejando para sair e Thelma tem medo de falar com Darryl, Louise questiona se ele é marido ou pai dela, para não permitir que ela viajasse. Sendo assim, Thelma resolve sair sem avisar, deixando um bilhete e uma comida pronta dentro do microondas, que ele só vê no dia seguinte, já que passou a noite fora de casa. E quando Thelma entra em contato, depois de algum tempo, a reação imediata dele é de gritar com ela e exigir que volte imediatamente, já que não devia ter saído sem a permissão dele. (Preocupação porque a esposa sumiu e ele não sabe onde está? Nada disso.)

Cena de "Thelma & Louise"
Cena de “Thelma & Louise” | Imagem: reprodução

E ainda nesse assunto, quando a polícia chega na casa deles em busca de Thelma, Darryl está comendo uma pizza, porque afinal, o que comeria um pobre homem que sua cruel esposa deixou sozinho por dias?

Quanto à Louise e seu namorado Jimmy, vemos um relacionamento complicado, e diria que um filme só sobre eles daria muito certo, já que esse tipo de relacionamento faz sucesso. No começo do filme, eles haviam brigado e Jimmy estava viajando. Então Louise resolve sair também e não estar em casa quando ele voltar.

Quando Louise entra em contato com ele, dizendo precisar de uma grande quantia em dinheiro sem explicar o motivo, Jimmy vai atrás dela em outra cidade para pedi-la em casamento, como uma forma de reatar os laços. Mas antes desse lindo momento dos dois, vemos ele quebrando algumas coisas dentro do hotel e barrando a porta quando ela tenta sair, dizendo que ia embora se ele fosse começar com aquilo de novo. O que deixa o romântico e complicado Jimmy apenas complicado, já que ele parece ter o hábito de ser violento (até mesmo no dia que pretende pedir sua namorada em casamento).

Leia também >> Ainda Temos a Imensidão da Noite: a busca de uma musicista por seu lugar no mundo

Durante a história de Thelma & Louise, mesmo com toda a pressão de estar fugindo da polícia, Thelma parece se divertir e mostra gradativamente seu desapego em relação ao marido. E conforme essa mudança acontece, ela amadurece em diversos pontos. Ela deixa de confiar tanto nas pessoas, se torna menos dependente, conhece outro homem e faz sexo “de verdade” pela primeira vez, dizendo que, até então, nunca tinha entendido o porquê de tanta comoção ao redor disso.

Além das duas, a história também mostra o detetive responsável pela investigação, que, analisando a situação, consegue entender a motivação que as levou a assassinar o homem no estacionamento, e tenta ajudá-las inicialmente.

Cena de "Thelma & Louise"
Cena de “Thelma & Louise” | Imagem: reprodução

Thelma & Louise fala muito sobre amizade e mostra como as duas só podiam contar com elas mesmas (e com a simpatia de um único detetive que no final não tinha influência o suficiente para realmente fazer a diferença). Como o marido de Thelma, que está mais preocupado com o fato de ela o ter desobedecido e não estar em casa do que com o fato de a polícia estar atrás dela. E embora Jimmy fique triste por perder Louise, fica triste por si, e não preocupado com a situação dela.

E mesmo tendo sido lançado em 1991, as situações ainda são todas muito reais, como quando Louise diz a Thelma que elas não poderiam ir à policia porque todos no bar a haviam visto dançando com Harlan, fazendo com que não acreditassem na possibilidade de um estupro.

Os medos, as motivações e os acontecimentos ainda são pertinentes, e mesmo apresentando-os de forma leve e descontraída, Thelma & Louise tem muito mais a oferecer do que apenas uma simples viagem entre amigas.


Compartilhe

Autora

25 Posts

Apaixonada por livros de capa dura, filmes com bastante drama, histórias em quadrinho, jogos de estratégia e essas coisitas mais. Sempre começa a escrever mais textos do que é capaz de terminar. Formada em desenvolvimento de sistemas, fã de Tolkien e criadora do Dragões Encaixotados.
Veja todos os textos
Follow Me :