Hacks – 2ª temporada: primeiras impressões

Hacks – 2ª temporada: primeiras impressões

Em abril de 2022 a HBO Max liberou o teaser com a data de estreia da segunda temporada de Hacks, série aclamada pela crítica e vencedora, entre outros prêmios, do Emmy de melhor comédia. O teaser mostra rapidamente que a relação entre as protagonistas continua intensa, mas não dá quase muitos detalhes, visto que traz poucos diálogos e apenas flashs de momentos e personagens.

Também tivemos a divulgação da sinopse dessa temporada: “A mentoria sombria entre a lendária comediante de Las Vegas Deborah Vance (Jean Smart) e sua jovem escritora Ava (Hannah Einbinder) continua a evoluir à medida que as duas viajam pelo país treinando o novo ato de stand-up de Deborah“.

A temporada contará com oito episódios, sendo lançados dois por semana, entre o dia 12 de maio e 02 de junho.

Atenção: pode haver spoilers da segunda temporada

Nada novo sob o sol de Las Vegas

O primeiro episódio começa exatamente onde acaba o último episódio da primeira temporada: as personagens principais na estrada em busca de reconstruir a carreira de Deborah na comédia. Afinal, caso você não se lembre, Deborah perdeu sua residência em um dos cassinos mais requisitados de Las Vegas, precisando se reinventar para sobreviver e, portanto, sua agência contratou Ava – uma comediante cancelada, a contragosto de Deborah – para ajudá-la nessa tarefa.

Depois de uma temporada inteira de um relacionamento com muito desafeto e algum afeto inesperado, lá estão as duas em um carro voltando para Vegas, aparentemente em paz. Mas é claro, como se poderia imaginar em uma série de comédia, a serenidade não dura muito tempo. Ava logo é confrontada com ações de um passado recentemente que podem cair como uma bomba nessa recém constituída boa relação.

Deborah, por outro lado, se mostra receosa pela situação incerta, porém confiante em Ava e na reconstrução de sua carreira. Usando a alegoria de uma luta de UFC, o roteiro mostra – ainda mais com o primeiro episodio chamado de “haverá sangue” – que a comediante está disposta a lutar com unhas, dentes e piadas pela sua volta por cima.

Além do grande tempo em tela de Deborah e Ava, os dois primeiros episódios trazem um mal estar fantasiado de humor ao maximizar uma relação tóxica no ambiente de trabalho. Aqui, devemos dar crédito para a série, nenhum sentimento ou reação é suavizado. Choques, surpresas, nojos não passam batidos ou são escondidos. O humor da série fica por conta, então, dessa proposta de vergonha alheia ou falta de senso como forma de piada que, já presente na primeira temporada, fica acentuado nos episódios iniciais da segunda. Fica a critério de quem assistindo se identificar com esse tipo de humor.

Hacks ganha trailer oficial e cartaz da 2ª temporada
Imagem: reprodução HBO

Então, aguardemos a temporada completa

Ok, tudo bem, antes que você, pessoa que me lê, me acha a mais chata das criaturas, eu digo, nem tudo está ruim. A trilha sonora da série é impecável e a fotografia também. O ótimo trabalho de direção parece dar fôlego à um roteiro aparentemente que estreou cansado.

De qualquer forma, aguardemos os próximos capítulos. Talvez Deborah consiga se reinventar, Ava fique menos intragável e a mentoria sombria nos faça, pelo menos, dar algumas risadas.

Autora:

21 textos

Lésbica, feminista, produtora de conteúdo, fluente em inglês e memes brasileiros. Sua trajetória pode ser seguida de uma adolescente emo para uma hipster meio torta, sempre bebendo muito café. Ativista dos direitos humanos, é fundadora do Coletivo Fé.ministas que trabalha feminismo e religião. Nunca nega um bom papo, mas se o assunto estiver relacionado com cultura nerd, signos ou gatos trabalha na base dos slides com muita convicção.
Todos os textos
Follow Me :