Hello, My Twenties 2: o crescimento em meio à novos mistérios e dores da juventude

Hello, My Twenties 2: o crescimento em meio à novos mistérios e dores da juventude

Em “Hello, My Twenties 2“, as garotas da Belle Époque estão de volta! A segunda temporada do drama coreano, mundialmente conhecido como “Age of Youth”, esteve no ar na Coreia do Sul de agosto a outubro de 2017. A história das cinco estudantes que vivem em uma mesma república, em Seul, se passa agora depois de um ano dos acontecimentos da primeira temporada. A trama da série continua com foco na amizade e na vida das meninas enfrentando os típicos dilemas da juventude, mas repaginada com um novo mistério e uma nova roomate.

Na segunda temporada, Kang Yi Na, personagem de Ryu Hwa Young, deixa de ser uma personagem fixa do elenco principal, aparecendo apenas em alguns episódios como convidada. Com seu quarto desocupado, as meninas anunciam a vaga disponível, que é então preenchida por Jo Eun, a estudante alta, séria e de estilo tomboy interpretada por Choi A Ra, modelo que teve sua estreia como atriz em Hello, My Twenties 2.

A mudança em relação à personagem de Yi Na, de acordo com o diretor do drama Lee Tae Goon, foi tomada porque a história da personagem já havia sido quase completamente abordada e seria difícil continuá-la em uma nova temporada. No entanto, sua saída como parte do cast regular não é feita de forma abrupta.

O primeiro episódio da temporada marca essa transição, soando como um capítulo à parte, que marca a reunião das cinco meninas com elas mesmas, mas também funciona como uma despedida temporária de Yi Na. No entanto, em nenhum momento futuro ela é apagada da história ou colocada como substituída por Jo Eun, a nova roomate. Ainda é deixado claro que ela tem seu espaço na Belle Époque, mesmo que não esteja lá presente de forma física.

My Twenties 2

Além dessas duas mudanças, outra que acontece é em relação à Yoo Eun Jae. A personagem era interpretada por Park Hye Soo, mas a atriz não pôde participar da segunda temporada por conta de sua agenda. O papel agora fica a cargo de Ji Woo, que traz uma Eun Jae não só diferente na aparência, mas também em sua personalidade – o que não vem apenas de sua interpretação, mas da forma como a personagem se desenvolve na trama. A própria série brinca com isso, quando se menciona o modo como Eun Jae mudou nesse meio tempo.

E é assim, com a saída, mudança e entrada de novas personagens, que Belle Époque está de volta. A partir dos acontecimentos da primeira temporada, Hello, My Twenties 2 continua acompanhando a vida de cinco garotas diferentes que ao dividirem a mesma casa, constroem um lar e uma amizade na qual elas se apoiam, defendem e cuidam uma das outras.

O protagonismo feminino e a forma como a personalidade de cada personagem é trabalhada continua como um dos destaques da série. Em seus próprios arcos, vemos como é o mundo das meninas além da Belle Époque e o modo como cada uma se insere nele. Isso já vinha desde a primeira temporada, e na segunda, continua para que se possa aprofundar em suas histórias. Por isso, nada melhor do que falar sobre a nova temporada a partir de cada uma das moradoras da Belle Époque. Vamos lá?

Jo Eun

My Twenties 2

Jo Eun (Choi A Ra) é a nova moradora da Belle Époque. Ela, que chama atenção pela sua altura e pelo seu estilo mais tomboy, chega à república por conta de uma carta que encontra dentro de um livro em um sebo. Endereçada à casa, o/a remetente, que não está identificado, diz que uma das moradoras foi responsável por destruir sua vida. Qual das meninas seria? É esse o grande mistério da temporada.

No início, Jo Eun é séria e desagradável com as colegas, por conta do conteúdo da carta. Isso muda conforme a convivência aumenta e ela vai se abrindo, revelando uma relação complicada com os pais e mostrando outros lados de sua personalidade. Por conta de seu estilo e da relação com a amiga de anos e extremamente protetora, Ahn Ye Ji (Shin Se Hwi), surgem dúvidas em relação à sua orientação sexual. Apesar de não se aprofundar no tema, a questão da homossexualidade é trazida e discutida de forma natural, sem caricaturas, evidenciando como muitas vezes o preconceito surge da ignorância.

Outro ponto essencial da trama de Jo Eun é a sua relação com Seo Jang Hoon (Kim Min Seok), o sobrinho da dona da Belle Époque, e que nesta temporada fica responsável por cuidar da casa da tia com ela viajando. Apesar dele interagir com todas as garotas da trama, é neste arco que ele tem espaço. Prestes a cumprir os dois anos de serviço obrigatório militar coreano, ele é o oposto da garota – é baixo, mas é confiante. A relação que vai se desenvolvendo entre os dois reforça outro dos pontos fortes do drama: a forma verossímil como são retratadas as relações amorosas.

Yoo Eun Jae

My Twenties 2

Eun Jae (Ji Woo) não é mais a menina do interior recém-chegada à Seul. A estudante de psicologia continua com seu jeito mais tímido e reservado, mas agora se expressa mais, e em certos momentos tem até uma atitude mais atrevida. Se na primeira temporada o foco de sua história foram as questões que a acompanhavam desde a infância, na segunda, ela se centra no fim de seu namoro com Yoon Jong Yeol (Shin Hyun Soo), seu veterano na faculdade.

Apesar da nova temporada começar com essa certeza, não se sabe ao certo o que levou eles a terminarem. No decorrer de Hello, My Twenties 2, conforme Eun Jae vai lidando com isso, as peças começam a se encaixar. O processo de superação, no entanto, é doloroso, lento e cheio de percalços. Isso às vezes torna o plot da personagem cansativo, mas torna tudo mais próximo do real, já que lidar com o fim do primeiro amor demanda tempo e oscila por diversos estágios.

Yoon Ji Myung

My Twenties 2

Livre dos empregos temporários e agora formada, o foco de Yoon Ji Myung (Han Yeri) é se inserir no mercado de trabalho da sua área (administração), o que com seus 29 anos, gera indagações e críticas. Ela começa a trabalhar em uma empresa de entretenimento, onde enfrenta novas dificuldades e conhece Heimdall (Ahn Woo Yeon), membro do grupo de k-pop Asgard  – que mesmo após 5 anos de estreia, ainda não conseguiu alcançar o sucesso.

A introdução desse novo personagem, no começo, gera dúvidas na forma como essa relação irá se desenvolver. Heimdall, no entanto, não vem como interesse amoroso, mas remete tanto ao irmão de Ji Myung, que falece no fim da primeira temporada, como também a ela mesma. O incansável otimismo e fé de Heimdall de que um dia ele alcançará o sucesso trazem para ela reflexões sobre seus sonhos e a vida diligente, cheia de renúncias, que ela levou.

Na segunda temporada de Hello, My Twenties!, também vemos a importância do papel de Ji Myung na Belle Époque, que segue sendo a figura resiliente da casa. Uma curiosidade em relação ao seu plot é que os outros membros do Asgard são de fato de um boygroup de k-pop: o Pentagon, que empresta a música “Critical Beauty” para o grupo fictício.

Jung Ye Eun

My Twenties 2

Depois do relacionamento abusivo e da agressão que sofre do ex-namorado, Jung Ye Eun (Han Seung Yeon) enfim, volta a faculdade depois de uma pausa de um ano. A estudante de nutrição tem dificuldades para sair de casa e por isso está sempre acompanhada pelas meninas da Belle Époque ou das amigas da faculdade.

Ye Eun, depois do ocorrido, também não consegue se relacionar bem com homens, mantendo distância. Isso começa a mudar quando ela conhece Kwon Ho Chang (Lee Yoo Jin), estudante de engenharia ingênuo e um tanto desajeitado. Com um jeito completamente diferente de seu ex-namorado e dos rapazes pelos quais ela normalmente se interessava, os dois vão lentamente se aproximando e Ye Eun passa a se sentir segura com ele, com a qual é sempre gentil.

Outros pontos que são abordados na trama de Ye Eun são a relação com seus pais e as amigas da faculdade. A forma como esses dois núcleos lidam e enxergam seu trauma são questões importantes no desenvolvimento da personagem, mas também no modo como ela enfrenta isso.

Song Ji Won

My Twenties 2

Ji Won (Park Eun Bin) começa Hello, My Twenties 2 ainda como na primeira: divertida, virgem, em busca de um namorado, constantemente inventando mentiras e importunando seu amigo Im Sung Min (Son Seung Won). Agora, a estudante precisa enfrentar o fantasma do seu passado, que ao trazer memórias esquecidas e uma história a ser desvendada, revelam muito do que ela é hoje.

Como seu fiel escudeiro, Sung Min a acompanha nessa jornada. A relação dos dois, que quase não foi explorada na primeira temporada, é sem dúvida um dos grandes destaques da segunda. A cumplicidade, o companheirismo e a honestidade presente nela evidenciam como os dois estão confortáveis um com o outro, o que reforça o laço de amizade – será só isso? – entre eles e rende cenas tão divertidas quanto comoventes.

A partir dessa trama, de resgatar suas memórias perdidas, é que a personagem de Ji Won ganha a profundidade que não tinha na primeira temporada. Ela, ao mesmo tempo que revela um lado mais vulnerável, também demonstra sua força quando confronta assuntos sérios e que exigem que ela tome decisões que envolvem tanto a si própria como outras pessoas. Enfrentar as consequências de seus atos é uma questão que a ronda durante toda a temporada e que possibilita com que ela se desenvolva.

My Twenties 2

Em sua segunda temporada, Hello, My Twenties mantém os pontos fortes que fizeram a série se diferenciar de outros dramas. As reflexões em torno da juventude trazem questões próprias da sociedade sul-coreana, mas que também são dilemas universais. Família, sonhos, amor, trabalho, amizade, entre outros, são todos pontos centrais de nossa existência e o drama os retrata em uma roupagem simples e honesta, mas ao mesmo tempo profunda. Sem medo de abordar questões difíceis e que ainda são tabu, a série reforça sua singularidade.

Leia também:
>> [OPINIÃO] Pantera Negra: O filme que esperei a vida inteira para ver
>> [CINEMA] Eu, Tonya: As diversas verdades de uma história (crítica)
>> [CINEMA] Lady Bird: Um extraordinário filme sobre a adolescência de uma garota

Com uma narrativa que retrata as protagonistas com suas falhas e erros, sem colocá-las em um pedestal de perfeição, Hello, My Twenties 2 permite com que elas sejam humanas, tentando encontrar seu lugar ao sol como todas as jovens mulheres pelo mundo. Por isso, mesmo que você não seja fã de dramas asiáticos ou nunca tenha assistido a algum, vale a pena dar uma chance para a série. Se você já assistiu à primeira temporada e estava incerta em assistir a segunda, não se preocupe: pode ir sem medo, porque as garotas da Belle Époque não decepcionam! Com o fim do drama, difícil não se apaixonar pelas meninas da Belle Époque e desejar por mais uma temporada – esta que apesar de não haver confirmação ou discussões no momento, facilmente tem muita história para desenrolar.

My Twenties 2

Autora convidada: Julie Tsukada é estudante de jornalismo, é viciada em listas e em criar playlists para absolutamente todos os momentos da vida. Fã de momentos dramáticos, especialmente aqueles que têm um bom piano ao fundo, gosta de pensar e transformar momentos do dia em dia em cenas de filme com a escolha da música ideal. Passa a maior parte do tempo criando situações fictícias na cabeça e overthinking todo o resto.

Escrito por:

322 Textos

Site sobre cultura e entretenimento, que destaca o protagonismo feminino e analisa a representação feminina nas obras.
Todos os textos
Follow Me :